Programa De Olho na Cidade

Dom Odilo defende gastos com a Jornada Mundial da Juventude

O arcebispo de São Paulo, Dom Odilo Sherer, defendeu os gastos do Poder Público com a realização da Jornada Mundial da Juventude que acontece esta semana no Rio de Janeiro.
 
Um levantamento do jornal “O Globo” aponta que as despesas com o evento giram em torno de R$ 118 milhões, incluindo verba federal, estadual e municipal.
 
Em entrevista coletiva à imprensa, Dom Odilo ressaltou que a JMJ está promovendo uma intensa movimentação na economia do país. “O governo precisa intervir com a sua parte em qualquer evento de massa. Vai haver muito mais entradas do que despesas. É dinheiro que gera trabalho e impostos”, justificou o arcebispo.
 
Dom Odilo acredita que os recursos representam um investimento na juventude e podem ter reflexos sociais. “Se falarmos em gastos, ofendemos os jovens. Nos jovens a gente investe. Esperamos que isso traga o seu retorno”, declarou Odilo.
 
Ainda segundo “O Globo”, só o governo federal desembolsará R$ 62 milhões com o evento católico, sendo R$ 30 milhões para as ações de segurança ao redor do papa Francisco. A Igreja vai colaborar com a contratação de 2.000 seguranças particulares. A Prefeitura do Rio e o governo estadual gastarão R$ 28 milhões cada um.
 
Kleiton Costa, com informações de Jorge Biancchi. 


Whatsapp
Google+
Versão Clássica