Programa De Olho na Cidade

A JMJ seria em Lisboa em 2022?

No Panamá, durante a Jornada Mundial da Juventude, há uma presença especial entre os milhares de jovens de todo o mundo, trata-se da imagem original de Nossa Senhora de Fátima, que pela primeira vez desde 2000 saiu de Portugal. Talvez esta seja a conexão ideal para apresentar ao mundo a próxima Jornada Mundial da Juventude, que em 2022 poderia ser em Lisboa, Portugal.
 
O anúncio oficial ainda não foi dado e tudo é mantido, evidentemente, no mais absoluto segredo. Mas os portugueses e a imprensa espanhola parecem ter antecipado a novidade.
 
Na verdade, há algumas indicações significativas de que a Jornada Mundial da Juventude voltaria à Europa em sua edição de 2022, mais especificamente à capital portuguesa.
 
No Panamá, está presente o Cardeal Manuel Clemente, Patriarca de Lisboa, bispos portugueses e junto deles um grupo de jovens que, segundo os últimos rumores em Portugal e Espanha, estão prontos para receber dos panamenhos a Cruz da Jornada Mundial da Juventude, no que agora é uma entrega tradicional. Embora a presença dos bispos não seja estranha, certamente não é o caso da já anunciada confirmação do presidente português Marcelo Rebelo de Sousa no evento.
 
Não só isso. É uma tradição não escrita que o continente europeu se alterna com outro continente na celebração da Jornada Mundial da Juventude. Assim, após a Jornada Mundial da Juventude em Cracóvia, em 2016, chegou ao Panamá em 2019 e, em 2022, segundo este revezamento, deveria voltar à Europa. Em seguida, será a vez de outro continente, e é possível que poderia acontecer na Ásia, talvez em Seul, onde o Papa Francisco já fez uma espécie de ensaio geral dando início às Jornadas da juventude coreana que ocorreram durante sua viagem apostólica à Coreia do Sul em 2014.
Whatsapp
Google+
Versão Clássica